Bitcoin

Crypto.com envia US$ 400 milhões em ETH para carteira errada, mas fundos são recuperados

Registros do Etherscan, explorador de blocos da rede Ethereum, mostram que em 21 de outubro, a exchange Crypto.com enviou cerca de 80% de suas reservas totais de ETH, para a exchange rival Gate.io.

A Gate.io posteriormente retornou a quantia de 285.000 ETH, cerca de US$ 456 milhões, em 29 de outubro.

“Era para ser uma mudança para um novo endereço de armazenamento a frio, mas foi enviado para um endereço de câmbio externo na lista de permissões”, twittou Marszalek no sábado.

“Trabalhamos com a equipe da Gate e os fundos foram posteriormente devolvidos ao nosso armazenamento a frio. Novos processos e recursos foram implementados para evitar que isso ocorra novamente.”

Marszalek acrescentou que todos os fundos já foram devolvidos.

Cronos, o token nativo da Crypto.com, caiu mais de 50% na semana, de acordo com dados da CoinGecko.

A transação “estranha” ocorreu dias depois que uma das cinco maiores bolsas do mundo sofreu uma corrida bancária catastrófica e não teve liquidez para cobrir, levando ao desmoronamento completo do império e da reputação de Sam Bankman-Fried.

O CEO da Binance, Changpeng Zhao, que desencadeou a venda do token da FTX, rapidamente atacou o fiasco da Crypto.com.

“Se uma exchange tiver que movimentar grandes quantidades de criptomoedas antes ou depois de demonstrar seus endereços de carteira, é um sinal claro de problemas”, twittou.

“Fique longe”.

A prova de reservas da Crypto.com, divulgada em 12 de novembro, já era motivo de alguma confusão.

O documento mostrou que cerca de 20% das participações da exchange eram denominadas em SHIB, uma criptomoeda meme.

A FTX gastou centenas de milhões de dólares em acordos de patrocínio esportivo que estão se dissolvendo rapidamente após a falência, movimento semelhante ao feito pela Crypto.com.

João Souza

Chefe de conteúdo, analista de SEO e empreendedor. [email protected]

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo