Bitcoin

Brasileira se torna primeira lutadora do UFC a ser paga em Bitcoin (BTC)

A Bitwage, um provedor de serviços de folha de pagamento especializado em Bitcoin (BTC) e criptoativos, fez uma parceria com Luana Pinheiro, tornando-a a primeira lutadora do Ultimate Fighting Championship (UFC) a ser paga em bitcoin, de acordo com um comunicado de imprensa enviado à Bitcoin Magazine.

Pinheiro está classificada em 15º lugar na categoria peso-palha. A lutadora brasileira está em uma sequência de oito vitórias consecutivas. Anteriormente, o namorado de Pinheiro, Matheus Nicolau, que está em sétimo lugar na categoria Peso Mosca do UFC, também fez parceria com a Bitwage em março passado.

“Acho que não terei problemas com o Bitcoin caindo ou subindo”, disse Pinheiro. 

“Se não fosse volátil, também não subiria. Pense nisso: leva em média de 10 a 15 anos para um indivíduo obter uma faixa preta em Brazilian Jiu Jitsu, então minha preferência de tempo aqui é igualmente longa, se não mais.”

“Luana se juntar a mim para entrar no padrão Bitcoin me deixa muito feliz e estou mais do que confiante de que os passos ousados ​​e corajosos dados hoje serão uma grande vitória no futuro, para nós dois”, disse Nicolau. 

“Estamos de pé e fazemos as coisas juntos, unidos e totalmente em sincronia, porque é assim que somos – nunca acima, nunca abaixo, mas sempre um ao lado do outro.”

Pinheiro observou que não investir em bitcoin era um risco que ela não estava disposta a correr. A experiência pessoal de Pinheiro com o Brasil também influenciou sua decisão de fazer parceria com a Bitwage.

“E não se esqueça que sou do Brasil, então sei uma coisa ou outra sobre inflação e seus efeitos”, disse Pinheiro. 

“Nasci por volta de 1994, época em que a moeda brasileira Real foi introduzida e indexada 1:1 ao dólar americano da época. Agora é 5 BRL por 1 USD.”

Leia mais: Terceira maior petroleira da Rússia vai minerar Bitcoin (BTC)

João Souza

Chefe de conteúdo, analista de SEO e empreendedor. [email protected]

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo