Bitcoin

Cash App se integra a Lightning Network do Bitcoin

Os usuários do Cash App agora podem enviar e receber Bitcoin usando a Lightning Network. O líder de produto do Cash App Bitcoin, Michael Rihani, anunciou a notícia hoje via Twitter.

Anteriormente, os usuários do Cash App só podiam enviar Bitcoin pela Lightning Network. Mas agora eles também podem usar a solução para receber a criptomoeda.

A Lightning Network é uma “solução de segunda camada” que funciona para acelerar as transações da rede BTC para que a criptomoeda possa ser usada para fazer pagamentos menores.

“Agora você pode receber #bitcoin instantaneamente através da Lightning Network [email protected]! […]”

A LN acelera as transações de Bitcoin e reduz custos roteando pagamentos por meio de canais sem a necessidade de usar o blockchain principal.

Os defensores da solução dizem que ela ajudará a alcançar a adoção em larga escala do maior ativo digital do mundo, pois as pessoas poderão usá-lo para compras diárias.

O site do Cash App diz que com o Lightning há “normalmente pouca ou nenhuma taxa envolvida, e é usado para enviar quantidades menores de Bitcoin”.

Há um limite de US$ 999 a cada sete dias com a integração do Lightning, de acordo com o site.

O Bitcoin via Lightning no Cash App está disponível apenas para clientes dos EUA – exceto aqueles no estado de Nova York, acrescenta o site do aplicativo.

O Cash App é uma popular plataforma de pagamento móvel lançada pela gigante fintech Block, anteriormente conhecida como Square, uma empresa administrada pelo ex-CEO do Twitter, Jack Dorsey.

O aplicativo está disponível apenas nos EUA e no Reino Unido, mas possui mais de 44 milhões de usuários mensais.

Em abril, a Block anunciou um novo serviço para usuários do Cash App, que permite que as pessoas recebam todo ou parte de seu salário na criptomoeda.

Jack Dorsey há muito tempo fala sobre como o Lightning será um divisor de águas para o Bitcoin.

No ano passado, antes de deixar o Twitter, ele disse que queria integrar a função à plataforma de mídia social.

Fonte
Criptonizando

João Souza

Chefe de conteúdo, analista de SEO e empreendedor. [email protected]

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo