BitcoinEconomia

O Bitcoin (BTC) só vai vencer se isso acontecer

Renato Amoedo, autor do livro Bitcoin Red Pill, participou recentemente em uma live do canal Eu Uso BTC, onde discutiu sobre o Bitcoin (BTC) e a possibilidade do criptoativo ser banido e não proporcionar a revolução monetária, tecnológica e moral que muitos dos seus entusiastas esperam.

Veja o vídeo no final do texto.

Renato destacou os avanços globais em direção a um mundo com cada vez menos liberdades individuais e mais controle social por meio de novas tecnologias:

“Os CBDCs vão acabar com o dinheiro físico, se você for pego com mais de 5 mil euros você vai preso, por**. Em vários países da Europa, você não pode mais ter dinheiro na mão […] você tem que fazer através do sistema bancário.

A CBDC é o sistema de controle chinês ao cubo, os caras vão meter câmara para car****, vai ter mais câmara do que gente. Rapaz, eles têm a possibilidade de proibir o Bitcoin e de nos exterminar. “ – Afirmou por volta do minuto 47.

Segundo Renato, o Bitcoin precisa atrair uma quantidade muito grande de pessoas e instituições, e consequentemente dinheiro, para que a rede se fortaleça e para que esse dinheiro financie o poder para destruição do legacy.

“Isso só não vai acontecer se nós fizermos a nossa parte, se o Bitcoin conseguir sugar uma quantidade muito grande de dinheiro muito rapidamente, e esse dinheiro financiar poder e infraestrutura, aí a gente destrói eles. Aí eles vão estar fod****”.

Mais de 19 milhões de bitcoins já entraram em circulação, muitos dos quais foram acumulados na última década por indivíduos que entendem o valor da liberdade e o preço necessário para obtê-la.

O crescimento da rede BTC tornará os bitcoiners a nova elite financeira mundial. Esse poder será o responsável por estruturar as bases jurídicas, legais e morais de um mundo onde o bitcoin se torna o ativo financeiro dominante.

João Souza

Chefe de conteúdo, analista de SEO e empreendedor. [email protected]

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo