Bitcoin

Fundação de Direitos Humanos doará 5 bitcoins para estes projetos

A Fundação de Direitos Humanos (HRF) vai realizar novas rodadas de apoio a desenvolvedores e educadores sobre Bitcoin (BTC) ao redor do mundo. Nos últimos dois anos, mais de US$ 1,2 milhão em BTC foram distribuídos pela organização para desenvolvedores do BTC.

Nesta rodada de incentivos para o segundo semestre de 2022 serão contemplados projetos relacionados a software e comunidade, design, tradução e controle de censura.

Principal doação

A principal doação da HRF será direcionada para a Africa Bitcoin Conference, que receberá 100 milhões de satoshis (1 bitcoin), e reunirá mentes de todo o continente. Segundo a organização, este será o primeiro grande evento sobre BTC na África desde 2019.

Vários outros projetos receberão doações de 50 milhões de satoshis (meio bitcoin), como é o caso do lnp2pbot, um boot do Telegram que facilita a negociação de BTC através da Lightning Network.

Alguns projetos de mídia também receberão doações, como é o caso da El Toque, de Cuba, The Daily Maverick, da África do Sul, e da Voz Democrática da Birmânia, de Mianmar.

Fundação de Direitos Humanos e o Bitcoin

A Fundação de Direitos Humanos se tornou nos últimos anos uma das principais financiadoras e promotoras do Bitcoin. Mas afinal, por que esta é uma preocupação da organização?

Em muitos países hoje que vivem sob algum regime fechado ou ditatorial, o sistema financeiro é apenas mais um braço de opressão, vigilância e punição do governo. 

O Bitcoin fornece a bilhões de indivíduos desbazarizados ou que vivem em um país com moeda fraca, sujeitos e controles de capital e expropriações, uma rede monetária aberta, confiável e sólida, onde código é lei.

João Souza

Chefe de conteúdo, analista de SEO e empreendedor. [email protected]

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo