Bitcoin

Laser Eyes e o Bitcoin (BTC) – onde surgiu esse meme?

Se você acompanha o Bitcoin (BTC), especialmente no Twitter, já deve ter se deparado com uma série de grandes nomes do mercado com os já conhecidos laser eyes –olhos de laser– em suas fotos de perfil.

Desde sardinhas até grandes baleias, como Michael Saylor, ex-CEO da MicroStrategy, os laser eyes estavam por toda parte, especialmente durante o mercado de alta.

Mas afinal, onde surgiu esse meme e o que ele significa?

Os olhos de laser começaram a ser utilizados por entusiastas do Bitcoin como forma para expressar a sua confiança no criptoativo. Esse entusiasmo atingiu o seu ápice durante a corrida de alta de 2021, que jogou o bitcoin para a casa dos US$ 69 mil.

Ao que tudo indica, essa história começou com a hashtag #LaserRayUntil100k, que foi utilizada por aqueles que acreditavam que o bitcoin atingiria a marca de 100 mil dólares, algo que ainda não aconteceu.

O primeiro a utilizar a hashtag teria sido GregZaj, executivo do aplicativo Strike, em 16 de fevereiro de 2021. A partir daí, os olhos de laser viralizaram.

Entre aqueles que utilizaram os laser eyes em seus perfis estão nomes notáveis, como:

  • Nayib Bukele, presidente de El Salvador;
  • Fabio Osterman, deputado estadual;
  • Cynthia Lumis, senadora dos Estados Unidos,
  • Jack Dorsey, fundador do Twitter e CEO da Block

E os fans do Ethereum?

No sentido oposto, os fãs do Ethereum optaram por outras formas para demonstrar o seu apoio à rede.

Ao invés dos olhos de laser, muitos investidores do ETH colocam os seus domínios ENS no Twitter que são também o endereço de suas carteiras. Por exemplo, Vitalik Buterin, criador do Ethereum, utiliza o nome Vitalik.ETH, que é também o seu endereço blockchain.

Além disso, outros investidores podem optar também por colocar NFTs nas suas fotos de perfil, que se tornou também um símbolo de ostentação.

João Souza

Chefe de conteúdo, analista de SEO e empreendedor. [email protected]

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo